Atividades na Ocupação do Canecão

Atividades na Ocupação do Canecão. Confira, e confirme presença.

Por que estamos ocupando o Canecão?

Talvez você não sabia, mas este espaço onde funcionava o Canecão pertence, há décadas, a UFRJ, e foi utilizado durante muito tempo pela iniciativa privada. Como o empresário que explorava o espaço há muitos anos não pagava o aluguel, a universidade entrou na justiça para reaver sua posse. Em 2010

, depois de uma longa briga judicial, a UFRJ finalmente conseguiu retomar o espaço – porém, ainda não retomou na prática. Diversos objetos do antigo dono locatário continuam lá dentro e, para tirá-los, seria necessário alugar um depósito para guardar as coisas – as coisas de um inadimplente que por anos deu calote na universidade.O que queremos?Acreditamos que o espaço do ex-Canecão pode e deve ser utilizado por nós, da UFRJ, e por toda a sociedade como um espaço cultural público e acessível a todos. Afinal, com os preços salgados de antes, frequentar o Canecão era privilégio de poucos. Ocupamos o espaço para mostrar o que desejamos dele. Queremos algo muito diferente, queremos debates, shows, arte, oficinas, exposições, mas sempre acessíveis ao público geral. Convidamos você a participar da nossa ocupação, ajudando a debater os novos rumos para o espaço. Para conhecer a programação da ocupação, clique na imagem para ampliá-la.

E por que justo agora?

A luta pela retomada do Canecão é antiga na UFRJ, mas decidimos ocupá-lo agora não por aacaso: vivemos hoje uma greve que atinge 100% das universidades federais do país, além de diversas estaduais. Lutamos por uma universidade mais democrática, maiores investimentos na educação pública e pela expansão dos nossos cursos com qualidade. Isso é muito diferente daquilo que vem sendo feito com a universidade pública, que hoje tem conteineres e clubes como salas de aula. Lamentavelmente, até agora o governo tem mostrado pouca disposição para negociar de fato com os setores da greve. Portanto, essa ocupação também serve para dar visibilidade às pautas da greve nacional do ensino, exigindo que o governo negocie imediatamente com professores, estudantes e funcionários. Lutamos para que o investimento na educação pública seja de 10% do PIB desde JÁ!

http://www.facebook.com/ocupacanecao