Utopias noturnas

Utopias noturnas

Uma flor rosa de energia pairava no ar,
semeando amizade e risadas…
O espírito das gerações passadas envolvia
essa nova juventude risonha que canta,
transa, bebe,
fuma, enlouquece,
grita, sonha,
pensa e luta!Somos as raízes de algo novo,
sugando a energia e o conhecimento da terra,
das tradições de luta, do que já foi feito…
para fazer novamente, melhor e mais forte…
até que os sonhos se realizem e possamos, de fato, viver.Sejamos a antítese e façamos a síntese.
Cantando e sonhando,
lutando e amando,
rindo e gritando,
até que o sol nasça sobre o mar
transformando a noite apenas em lembranças
e os sonhos em realidade.
Niterói, Ingá, 21 de Dezembro de 2012.
Plantado por Yan de Oliveira